domingo, 18 de novembro de 201818/11/2018
Muito nublado
22º
30º
30º
Sonora - MS
Erro ao processar!
radio
GERAL
Bebê de Campo Grande precisa de até três cirurgias para corrigir má-formação nos órgãos genitais
Sem condições de custear operações e com a necessidade urgente de iniciar tratamento, família faz mobilização e pede doações.
Sonora News Sonora - MS
Postada em 10/09/2018 ás 15h04 - atualizada em 10/09/2018 ás 15h07
Bebê de Campo Grande precisa de até três cirurgias para corrigir má-formação nos órgãos genitais

Foto: Divulgação


Davi Lucas, de apenas 7 meses, nasceu com uma má-formação nos seus órgãos genitais. Chegou a fazer um exame de cariótipo para que seu sexo fosse identificado. Para corrigir o problema e fazer a reparação vai precisar de duas a três cirurgias e cada procedimento deve custar em torno dos R$ 25 mil. Ele tem o órgão masculino, mas os testículos ficaram para dentro. Ficou uma fissura por baixo, por onde sai a urina. As operações são para corrigir esses problemas”, explica a mãe, Adriana de Athaide da Silva. Adriana e o marido, Americo, são moradores do bairro Jardim Oliveira 3, em Campo Grande, onde trabalham em um comércio de familiares.


Eles não tem condições de custear o tratamento, que vai demandar, além das operações, um acompanhamento por uma equipe multidisciplinar de profissionais da área de saúde.






Como as cirurgias precisam ser feitas o quanto antes e o atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) tem uma longa fila de espera, eles estão iniciando uma mobilização para tentar arrecadar o dinheiro necessário para os procedimentos e até mesmo conseguir o atendimento de outros profissionais.




“A única coisa que ele recebe de atendimento hoje é o acompanhamento porque ele é prematuro, nasceu de sete meses, em um hospital de Campo Grande. Quando nasceu foi feito o diagnóstico da má-formação e só. Depois conseguimos pagar uma consulta com um médico que nós disse que seriam necessárias de duas a três cirurgias. Mas não conseguimos voltar lá”, comentou a mãe.




A primeira iniciativa dessa mobilização, conforme Adriana, é um churrasco dançante que será promovido no dia 23 de setembro, no Rancho Tio Leo, na rua Alto da Lapa, 81, no Jardim Centenário, em Campo Grande. O evento começa às 10h (de MS) e contará com a animação de vários artistas regionais, que adotaram a causa da solidariedade. Os ingressos custam R$ 20 e podem ser adquiridos pelos telefones: (67) 9 9159-3790 e 9 9252-9959.




FONTE: G1
tags:
• Geral
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados

Rua Do Cedro Nº 396 Telefone: (067) 3254-2438 Sonora - MS

Site desenvolvido pela Lenium